Reportagem sobre pele de tilápia para tratar queimaduras é produzida por Corporação de Radiodifusão do Japão

Publicado em 31 de agosto de 2017

A pele de tilápia tem sido utilizada por médicos brasileiros para tratar pacientes vítimas de queimaduras. Até o momento, pesquisadores cearenses utilizaram o método em 56 pacientes e obtiveram bons resultados. Com o uso da pele dessa espécie de peixe é possível aliviar a dor, reduzir custos médicos, estimular a umidade, a produção de colágeno, especialmente do tipo 1, e acelerar a cicatrização.

A notícia sobre a nova terapêutica tem percorrido o mundo, chegando inclusive à Terra do Sol Nascente. Recentemente, a NHK (Corporação de Radiodifusão do Japão responsável pela organização nacional de radiodifusão pública no país) produziu uma reportagem sobre o assunto.

O estudo vem sendo realizado há mais de dois anos, no Núcleo de Pesquisa e Desenvolvimento de Medicamentos (NPDM) da Universidade Federal do Ceará (UFC) e tem como principais membros os coordenadores, Edmar Maciel Sousa Lima, Marcelo Borges, Odorico de Moraes e Nelson Sarto Piccolo. Confirma os vídeos abaixo.


Comente no Facebook

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>